TRUMP(A)

A MENTIRA DO AMOR

O meu amigo virtual Otto Zambrano buzzeia Emil Cioran:
Se na hierarquia das mentiras a vida ocupa o primeiro posto, o amor sucede-lhe imediatamente, mentira dentro da mentira. Expressão da nossa posição híbrida, rodeia-se de um aparato de beatitudes e de tormentos, graças aos quais encontramos em outro ser um substituto de nós mesmos. Graças a que engano dois olhos nos apartam da nossa solidão? Há quebra mais humilhante para o espírito?
escrito por ai.valhamedeus

0 comentário(s). Ler/reagir: