TRUMP(A)

VARIAÇÕES BADINERÍSTICAS

A minha sugestão de música para este fim de semana
[que farei amanhã]
inclui uma faixa com esta Badinerie de Bach
[amanhã, numa versão para acordeão],
aqui na interpretação clássica de Ton Koopman e da Orquestra Barroca de Amesterdão


no som do órgão


nos metais do German Brass


e ainda nestas variações eléctricas:


escrito por ai.valhamedeus

2 comentário(s). Ler/reagir:

milinha disse...

Belo fim de semana, só falta mesmo o livro.

Anónimo disse...

Fantástico. Bach é Bach, seja em que instrumento for. Desde que bem tocado.
Estou inclinada a concordar consigo,ai meu deus, quando afirma que "se no céu se ouvisse música era com toda a certeza a de Bach. E quando Deus está distraído toca-se Mozart."
E pensar que já estive 2 vezes na terra de Bach onde havia concertos nas igrejas, nas esplanadas,por todo o lado. E de graça!
Mas, hélas, nessa altura ainda não apreciava Bach convenientemente, pese embora tenha assistido a vários concertos.
Gabriela