TRUMP(A)

TÔ MUITO FELIZ COM A AJUDA

Tenho estado a fazer zapping,

[ou lá como é que se chama esse ato de carregar nos botões do tele-comando da tv]
como forma de me beliscar: eu nem queria acreditar que finalmente Portugal
[seja lá isso o que for]
pediu ajuda externa; mas, pelos ouvistos nas várias tvs
[que não falam de outra coisa, há horas]
o boato é mesmo verdade: vamos ter ajuda externa.

E
[digo-vo-lo comovidamente e do alto dos meus vastos conhecimentos de Economia]
já não era sem tempo. Temos andado p'raqui, há bué de tempo, a pedir dinheiro emprestado a juros altíssimos, cada vez mais altíssimos, quando podíamos já ter pedido ajuda há bué de tempo.

Quando
[já lá vai bué de tempo]
eu era miúdo, havia uma pergunta emocionante, pela solidariedade que implicava:
"ó vizinho, pode-me dar aqui uma ajuda?"
E lá vinha a mão amiga do vizinho, solidária, reconfortante, animadora. Finalmente, o FMI
[ou o Fundo europeu de não sei quê, como alguém lhe chama]
vai ajudar-nos. Já estou a ver o decaído primeiro José Pinto de Sousa
[de Vilar de Maçada, Alijó]
pedir emocionadamente
"ó fmi, pode-nos dar aqui uma ajuda?"
E nem é preciso esperar pela resposta do fmi
[que não costuma fazer-se rogado, dados os seus instintos de beneficência],
que o fmi já disse que sim. Eu, cá por mim, tô muito feliz.

c

escrito por ai.valhamedeus

5 comentário(s). Ler/reagir:

Anónimo disse...

é isto que os socialistas são exímios em fazer: esbanjar o que herdam - três vezes em trinta e sete anos apenas, é obra é sim senhor... e sempre pela mão dos mesmos - e mendigar aos vizinhos para que salve o povo que alegremente foram espoliando... três vivas ao socialismo!!! este é mais um exemplo provado, em tão curto espaço de tempo, pela experiência feita de que do socialismo podemos apenas esperar uma socieade mais pobre, mais desigual e mais vigarista...
S M

Anónimo disse...

Há muita gente contente com a vinda do FMI, tenho a certeza. E também tenho a certeza que essa malta tá toda a viver bem, porque quem vai pagar não é o senhor professor nem o sr. engenheiro, vai ser o pequenito!

Anónimo disse...

Ó pequenito! Estudasses...

vitor m disse...

S M, penso que só os próprios (PS) se consideram socialistas.
Quem sabe o que é (em teoria) o socialismo, não os considera como tal...

Frei José da Santíssima Trindade disse...

Ó meu arguto Anónimo, «estudasses»? De granditos com estudaços está o desemprego cheio, mas sem estudaços, um «pequenito» era Administrador dos CTT.
Dos «pequenitos» é o reino dos céus. Também tinha que lhes calhar alguma coisa!...