TRUMP(A)

irreal quotidiano 14. NÃO SE SEGUE...

(do quotidiano de uma república com 100 anos)

-- Quer-se dizer... queres dizer que tu és melhor do que ele?

Levantou ambos os braços, como quem implora justiça divina, e abandonou-se ao encosto da cadeira, sem os baixar, como quem confia ir proximamente clamar vitória.

-- Não, minha cara -- sorriu-lhe ele, matreiramente. -- Eu até nem escrevo poesia...

Fez uma pausa breve, sorriu-lhe matreiramente olhando os jeitos ameaçadores das mãos, e acrescentou:

-- Já agora... de que eu não seja melhor não se segue que ele seja bom. Segue-se apenas que ele não é pior que eu.

escrito por ai.valhamedeus

0 comentário(s). Ler/reagir: