TRUMP(A)

hoje é sábado 162. SONO

Dormir
mas o sonho
repassa
duma insistente dor
a lembrança
da vida
água outra vez bebida
na pobreza da noite:
e assim perdido
o sono
o olvido
bates, coração, repetes
sem querer
o dia.
[Carlos de Oliveira]

escrito por Carlos M. E. Lopes

0 comentário(s). Ler/reagir: