TRUMP(A)

hoje é sábado 272. CORPOEMA

Das sílabas a espátula
começa pouco a pouco
a modelar-te em alma
o que era apenas corpo
De sílabas a estátua
De lâminas o sopro
O que era apenas alma
volve-se agora corpo
[Mourão-Ferreira, David, Os Ramos os Remos, Areal Editores, Porto, 1985, pág. 53]

escrito por Carlos M. E. Lopes

0 comentário(s). Ler/reagir: