TRUMP(A)

DO CONTRA [103] o papa pop

Impressiona a quantidade de pessoas que ajoelha perante o "novo" Papa, Francisco, mesmo não sendo gente crente

[os murais do Facebook são disso uma amostra significativa].

Parece tratar-se de um papa modernaço, que põe de lado etiquetas e protocóis, almoça em cantina com funcionários do Vaticano, batiza filhos de mães solteiras (um ato considerado de uma "simplicidade brutal" por jornalistas de renome),... E eu torço o nariz, porque não vejo alterações substanciais na Igreja chamada católica, dirigida por este papa pop.

Folheio a Claves de Razón Práctica de maio/junho de 2014
[uma revista espanhola atualmente dirigida pelo filósofo colunável Fernando Savater]
e descubro que Michele Martelli partilha esta minha impressão. O seu artigo, intitulado De rodillas ante el papa Francisco (De joelhos perante o papa Francisco), defende que
Bergoglio [nome civil do papa Francisco] seduziu leigos, crentes e crédulos, mas à margem dos seus amplos sorrisos e dos seus eficazes sloganes, não parece que o novo papa se afaste demasiado do magistério tradicional.
escrito por ai.valhamedeus

0 comentário(s). Ler/reagir: