TRUMP(A)

RICARDO SALGADO. MELHORES DIAS VIRÃO

Em 1974 instaurou-se uma ditadura comunista em Portugal. Um tenebroso Conselho da Revolução, uma Constituição marxista e um governo soviético.

Em março de 1975 inicia-se o PREC, patriotas são presos em Caxias e depois exilados no Brasil para onde foram miseráveis, sem um tostão no bolso.

Extinto o conselho da revolução, revista a Constituição, o país entrou nos eixos. A iniciativa privada iria desabrochar, o governo, sobretudo através de Cavaco Silva, um patriota e homem de visão, iria trilhar caminhos de sucesso.

Regressados a Portugal, de onde partiram sem um tostão, os nossos empreendedores reiniciaram a sua atividade produtiva. O país estava livre da escumalha comunista, o Conselho da Revolução foram eliminado e a Constituição, em sucessivas revisões, iria permitir mostrar como se enriquece o país.

Face a condições ideais, com alguns escolhos nas leis laborais, os nossos empreendedores iriam trilhar a senda do êxito. Estávamos perto dos tigres asiáticos e longe da velha Europa do Estado Social.


De repente, as coisas começam a falhar. BPN, BPP, BCP, BES, o sustentáculo do sistema financeiro ruiu. A coisa estava feia. Não havendo Conselho da Revolução, nem Eanes, nem Constituição, nem governo comunista, de quem será a culpa?

Estou em crer que os nossos empreendedores irão renascer, qual fénix, e irão mostrar por que razão o sistema que defendem é o mais salutar, justo e progressista dos sistemas.

Ricardo Salgado, Oliveira e Costa e os outros saberão encontrar o caminho de regresso. Tudo menos pôr em causa o sistema…
escrito por Carlos M. E. Lopes

0 comentário(s). Ler/reagir: