TRUMP(A)

ASTROLOGIA: PROGNÓSTICOS, SÓ NO FIM DO JOGO



Há um professor de filosofia que mantém um blogue onde, além de testes com questões algumas das quais eu não quereria resolver (pobres alunos!, digo eu) -- além desses testes, divulga as explicações astrológicas de alguns acontecimentos mediáticos. Por exemplo, atentados bombistas ou badaladas vitórias (ou quase) no futebol.

Foi o caso do "atentado bombista islamista em Manchester, Inglaterra, que matou 22 pessoas e feriu outras 59 no final de um espectáculo musical, em Albert Square, em 22 de Maio de 2017", que "estava escrito no Zodíaco ou circunferência celeste de doze signos ou arcos de 30º. Os terroristas são impelidos pela radiação dos planetas em movimento sobre a sua estrutura planetária psicológica (o seu mapa do céu de nascimento) e colocam as bombas ou disparam sobre pessoas ou atropelam pessoas na hora em que os planetas conjugados entre si determinam".

Esta explicação recebeu este título: Graus 14º-17º de Carneiro e 7º-8º de Touro e 16º-19º de Touro: Atentados Islâmicos na Europa.

O curioso destas explicações é que são todas posteriores ao acontecimento explicado. Se pudessem antecedê-los é que era porreiro, pá, não era?

escrito por ai.valhamedeus

0 comentário(s). Ler/reagir: