TRUMP(A)

AINDA A REQUALIFICAÇÃO DA ESEN

Recebi 2 documentos relacionados com a requalificação de que foi alvo a Escola Secundária de Emídio Navarro de Viseu e de que é responsável a ParquEscolar:

CONVITE:

O Director e o Presidente do Conselho Geral da Escola Secundária de Emídio Navarro – Viseu, na sequência da Resolução 1/2011 da Comissão Permanente do Conselho Geral, de 6 de Janeiro último, convidam o corpo docente para uma reunião que irá decorrer no próximo dia 13 de Janeiro (Quinta-feira), pelas 18:30, no auditório do Bloco E, com a seguinte ordem de Trabalhos:

Ponto único: Análise da situação da ESEN face à requalificação em curso.
[Resolução 1/2011 da Comissão Permanente do Conselho Geral]

Perante as condições observadas nas instalações requalificadas, abertas ao público no dia 3 de Janeiro último, a Comissão Permanente do Conselho Geral da Escola Secundária de Emídio Navarro, em Viseu, endereçou às entidades representativas da comunidade escolar e educativa (Director, Presidente da Associação de Pais, Presidente da Associação de Estudantes e Presidente da Associação dos Antigos Alunos) um convite para uma reunião que teve lugar no dia 6 de Janeiro.

Analisadas e debatidas as diversas questões que estiveram na base da convocatória, a Comissão Permanente, em conjunto com as entidades convidadas, decidiu:

1. Evidenciar o clima de insatisfação e mal-estar gerado pelas perversas incidências inerentes à requalificação.

2. Manifestar preocupação e desagrado pela forma como as instalações, sujeitas a remodelação, foram entregues, em situação de incumprimento, pela Parque Escolar;

3. Denunciar o manifesto prejuízo de tais circunstâncias no normal funcionamento das actividades escolares.

4. Exigir que o protocolo, assinado pelas entidades: Director, Conselho Geral e Parque Escolar, seja efectivamente cumprido, no estrito respeito pelos prazos acordados.

5. Que a Parque Escolar, tão célere quanto possível, reponha as condições e os equipamentos necessários para que alunos, professores, funcionários e demais utentes, possam desenvolver as suas actividades com dignidade.

6. Recusar de forma clara o modo como a escola se encontra refém do improviso e da improficiência da Parque Escolar.

7. Constatar a disparidade entre a apresentação pública do projecto e a consumação do produto final.

8. Que o director, atento à evidência das circunstâncias, contribua para que o clima de insatisfação seja ultrapassado, seguindo as recomendações da C. Permanente.

Perspectivando-se que algumas promessas, expressas pela Parque Escolar, possam não ser cumpridas e, como corolário dos pontos enunciados, foi ainda decidido convidar o corpo docente para um debate, a realizar oportunamente, patrocinado pelo Presidente do Conselho Geral e pelo Director, bem como reuniões de Pais, Alunos e Antigos Alunos que, concertadamente, se irão pronunciar sobre a situação da ESEN.

[Viseu, Escola Secundária de Emídio Navarro, 6 de Janeiro de 2011]

escrito por ai.valhamedeus

0 comentário(s). Ler/reagir: