TRUMP(A)

hoje é sábado 144 LIÇÃO DE COISAS

A exactidão serena de uma flor
Aconselha-me em vão
A encher de paz e sem amor
O revolto e impreciso coração

Ó luz tão verdadeira,
Que dás o verde tenro e o branco puro,
Eu dava a vida inteira
Para ser monte ou muro!

Mas ao homem não valem
Desejos minerais:
Aves, flores, que se calem!
Hei-de ser como os mais.

Nem florido no orvalho como a rosa,
Nem azul como o monte arredondado.
Ó imaginação, só tu és dolorosa!
O maior mal ainda é o imaginado.
[Vitorino Nemésio]

escrito por Carlos M. E. Lopes

0 comentário(s). Ler/reagir: