TRUMP(A)

ENTREVISTA DE MANUEL MARIA CARRILHO

Manuel Maria Carrilho é um político que gera sempre alguma repulsa. Achamo-lo um pouco emproado e isso leva a que nem sempre oiçamos o que tem para nos dizer. Encontrei Carrilho, em Paris, em Janeiro de 2010, na livraria L´écume des Pages. Foi simpático. Eu, também (coisa rara).

Carrilho dá uma entrevista ao Público que acho bastante interessante. Discorre sobre a indignação que corre a Europa, a diferente atitude da Europa do Norte em relação ao Sul, advoga o federalismo e defende o princípio das transferências internas em tal federação, como forma de atingir a convergência, defendendo, neste caso, o exemplo americano.

Esta entrevista é feita a propósito da publicação da sua obra em dois volumes, Pensar o Mundo. Sou candidato a adquiri-la.

escrito por Carlos M. E. Lopes

1 comentário(s). Ler/reagir:

Anónimo disse...

A Europa não tem feito outra coisa ultimamente que não seja imitar os States, sobretudo a nossa direita.