TRUMP(A)

ORAÇÃO INDIGNADA: BOM 20013!


"Raymond Queneau disse:
'Deus, por pudor, não existe!' 
Perante a impiedosa catástrofe governativa que há uns meses devasta Portugal, apetece-me invocar o Deus da minha fé para que seja impudico, por esta vez. E se manifeste, também Ele, com algum sinal de uma atenção generosa e solidária.

Não Lhe peço só misericórdia, esse atributo que os crentes crêem ser o Seu modo de contemplar os homens. Peço-lhe que siga o impulso, imperativo, da solidariedade humana. Peço-Lhe que se associe à corrente das manifestações quotidianas. Peço-lhe que desperte do Seu sono, que parece cúmplice da outra corrente em fúria, a do Passos e do Gaspar. E peço-Lhe que ouça e atenda esta minha oração indignada. E que em 2013 nos dê novos governantes com novas políticas".

[adaptação de um texto de Maria João Seixas, publicado no Público de 3/3/2000, na altura em que chuvas torrenciais destruíram Moçambique]

escrito por ai.valhamedeus

2 comentário(s). Ler/reagir:

Anónimo disse...

Ó Valhame deus! O zero a mais é propositado?
Ilda Desaparecida

Ai meu Deus disse...

Não, Ilda! Foi gralha :-(