TRUMP(A)

LEIT(e)URAS [63] o mendel dos livros


Jakob Mendel, um judeu alfarrabista em Viena, é um homem singular. Enfronhado nos seus livros, deles sabe tudo menos, parece, o seu conteúdo. Absorto e fora do mundo que o rodeia, os livros são o mundo de Mendel no café Gluck, em Viena, que se imagina perto da catedral de Santo Estêvão. Esse alheamento do mundo que o rodeia torna-se fatal. Escreve para onde não deve, é preso, é solto, o café muda de dono, definha e morre.

Uma obra apaixonante de Stefan Zweig, também exilado, perseguido e que se suicidou no Brasil.

escrito por Carlos M. E. Lopes

0 comentário(s). Ler/reagir: